quinta-feira, 17 de maio de 2012

Na Calada da Noite

     Autor : Desconhecido


É na calada da noite onde os medos se afloram,
Onde os pensamentos confundem meu ser,
É na calada da noite que vejo minha solidão,
Sem tua presença marcante e gostosa em mim,
Sim,a noite companheira de tantos sonhos bons,
Companheira de tantas alegrias que me marcaram,
Hoje é apenas companheira de meus medos e dúvidas,
Presenciando minha aflição,meu desejo de voce,
Mas,é na calada da noite em que vejo a doçura,
Que visualizo todo o amor que por ti cultivo,
Que sinto teu perfume no ar a me embreagar,
Que me joga nos teus braços com ardor e desejo,
A vontade de um simples café da manha juntos,
Depois aquele beijo gostoso e partir a trabalhar,
Mas na certeza de que ao anoitecer nos teus,
Braços me encontrarei aninhado mais uma vez.
É na calada da noite em que os pensamentos me levam,
Que angustias nunca imaginadas me permeiam,
Onde a balança da vida me levam por caminhos,
Dois quais me trazem lembranças acalentadoras,
Quero decifrar teus medos,procuro uma forma disso,
Ou talvez uma fórmula,mas que está apenas em voce,
Amanhece o dia e minha companheira se vai,
Mas deixa a certeza de que ao findar desse dia,
Novamente ali estará para abrigarme em teu colo,
E me fazer viajar novamente dentro de mim,
Encontrando lá a mais bela das criaturas que,
Já conheci,
voce..!!

By : Dj dançarino

Nenhum comentário:

Postar um comentário

De onde vem meus amigos

Postagens mais visualizadas

Seguidores

Seguir por E-mail